09/10/2008

Garfo, Faca e...Cronômetro!!!



Sábado passado estive em um restaurante italiano com buffet self-service. Em lugar de um caloroso "Seja Bem-Vindo e Bom Apetite" ou algo assim, a mensagem na porta do restaurante era:“Neste momento, estamos limitando o tempo de permanência do cliente no restaurante em 90 minutos. Contamos com a prévia compreensão dos senhores”.



Como se não bastasse a placa, o garçom, assim que ele chega para te atender, ele pergunta se é a primeira vez no restaurante e mesmo você dizendo que não é a primeira vez, ele insiste e manda a mesma mensagem, desta vez, oralmente: “Neste momento, estamos limitando o tempo de permanência no restaurante em 90 minutos. Contamos com a prévia compreensão dos senhores”. Mais tarde, fiquei sabendo que nos finais de semana eles são mais benevolentes, e deixam ficar por 120 minutos!





Sei que se pensarmos do ponto de vista de quem está na fila, com a barriga roncando e contando os segundos para entrar no restaurante, a mensagem até faz algum sentido, mas não deixa de ser estranho se deparar logo de cara com um tempo limitado para você comer ou ficar no restaurante bebendo...








É mas se você achou isso estranho, o que me diz então de uma churrascaria brasileira com tempo-limite para aproveitar o rodízio de carnes!? É, no Barbacoa aqui é assim! O limite é de 2 horas!! Isso mesmo!! O churrasco e o buffet do Barbacoa são maravilhosos - a sobremesa é fraquinha - mas se você é brasileiro, daqueles que gosta de celebrar coisas reunindo os amigos para um bate-papo ragado a cerveja e muita carne, eu não aconselharia ir ao Barbacoa! Você está lá na maior festa, descontração com seus amigos e de repente, você é informado que deve se retirar.




Claro que eles não dizem isso nem em japonês e nem em português claro. A estratégia é, do nada, retirarem os pratos e te perguntarem se você aceita um cafézinho – quase que com o espeto na sua garganta para você dizer que sim, aceita! Já me disseram que se você vai em duas pessoas, a pressão é bem menor. Mas mesmo assim, no Brasil, eu ia com minha família - não é novela não, mas Éramos Seis - e ficávamos comendo sempre bem à vontade e nada de pressão, nada de olhar no relógio, nem nada. Aqui não. Ou você come logo ou conversa com seus amigos!



Mas confesso que isso já me revoltou mais nas primeiras vezes que me vi sendo praticamente expulso de uma churrascaria! Mas depois de anos no Japão, você acaba, não aceitando, mas engolindo com mais facilidade essa coisa de limitar o tempo do cliente no restaurante, já que aqui no Japão muitos fazem o mesmo! O que varia é o sistema e o tempo que eles deixam você ficar no restaurante. Mas calma! Não se desespere porque não é todo restaurante que tem tempo-limite não!








Por tanto, eu aconselho a quando for reunir os amigos em algum restaurante, além do preço, procure saber o tempo limite, para aproveitar bem!! Normalmente está escrito em algum lugar. Pode estar de várias formas. Veja algumas: 2時間の時間制限・制限時間2時間・2時間制. Caso não tenha tempo-limite - sim, existe restaurante normal - geralmente isso se torna até um chamariz para atrair clientes. Nessa caso, a informação pode vir mais ou menos assim: 時間制限無し・時間無制限.





Veja mais exemplos:



90 minutos





90 minutos





90 minutos





60 minutos








Palavra do Dia: 制限・seigen・limite・restrição
Exemplo: あの映画は年齢制限がないと思う。(Acho que aquele filme não tem restrição de faixa etária)






7 comentários:

  1. Bem eu creio que nunca vou ir pro Japão, mas deve ser um saco não poder ficar tanto tempo num restaurante.
    Aki no Brasil qdo vou no habibs com os amigos ficamos mais de 3 horas sentados conversando e ngm nos expulsa =D
    E olha q não ficamos consumindo por 3 horas x_X

    ResponderExcluir
  2. Nossa Muito Japão mesmo!! Ter tempo determinado de permanência para ficar no restaurante. No entanto se for olhar pelo lado de quem espera um lugar no restaurante até que é uma boa idéia. Aqui isso não ia dar certo nunca ou demorar muuuuito tempo para ser respeitada, até hj os 15 min que o cliente deve esperar na fila de bancos não é respeitada imagina isso. xD

    ResponderExcluir
  3. Ola pra mim até que eu curto esse limite,sabe pk? Não sou muito de comer aquilo tudo que uma churrascaria oferesse,principalmente aqui no Brasil.
    Mas para quem come muito e fala mais do que come,ai o bicho pega...rrss
    Beijos e tenha um fim de semana MARA!!!!! ( Maravilhoso)

    ResponderExcluir
  4. AQUI TAMBEM TEMOS UM SISTEMA QUASE IGUAL A ESTE, POIS O GARÇON FAZ O POSSIVEL PARA LHE SERVIR A MAIOR QUANTIDADE DE CHURRASCO.MUITOS CLIENTES LOGO FICAM SATISFEITO E TAMBEM NÃO DEMORAM MUITO.
    QUEM ESTA ACOSTUMADO PEDE PARA SER SERVIDO DEVAGAR SABOREANDO MAIS O CHURRASCO.MAS COM TEMPO LIMITADO REALMENTE E CONSTRANGEDOR. MAS COMO VOCE DISSE LOGO SE ACOSTUMAM

    ResponderExcluir
  5. Acho que 2 horas é pouco tempo, mas a idéia de limite de tempo é boa por acaba assegurando aos que estão na fila que a rotatividade das mesas é alta. Mas que deve ser chato se "expulso" com certeza é!

    ResponderExcluir
  6. Gente MuitoJapao!!! Se bem que no Brasil o tempo não é oficial, mas na medida que você diminui os pedidos, aumentam proporcionalmente as perguntas:"deseja mais alguma coisa?", "quer um cafezinho","algo mais senhor"...e quando perguntam se você tem alguma preferência, traduz-se por: "parou de comer porque? o que falta para você ir embora? ou fica e come ou vai embora!!"

    ResponderExcluir
  7. bem,

    eu jah tinha visto em alguns lugares aqui no brasil tbm...acho que no mcdonald's tem alguma coisa sobre tempo...

    ResponderExcluir