23/08/2009

Brasil vence Grand Prix no Japão


Hoje, segunda-feira, logo pela manhã, acessei os jornais japoneses para saber se o Brasil havia conquistado o octa no vôlei. Isso porque ontem eu até começei a assistir à partida pela tevê, mas acabei pegando no sono e dormido sem ver o resultado. Nos dois principais jornais que costumo ler, Maichini e Asahi, nada de vôlei!! “Bom sinal!”, pensei. Nos cadernos de esportes e nas páginas principais, estavam somente os japoneses Yuki Fumi(村上幸史), que conquistou uma medalha de bronze inédita para o Japão na prova de lançamento de dardos (やり投げ・yarinage), e a corredora Yoshifimi Ozaki(尾崎好美), que chegou em segundo na prova da maratona (マラソン・marason)e também trouxe uma medalha inédita para o Japão.
Fora isso, nada de vôlei...

Mas tenho o costume de ler O Globo Online também, e foi aí que tive a comprovação do que eu já estava suspeitando. As brasileiras haviam vencido as japonesas aqui no Japão por 3 sets a 1 !!! Brasil sil sil !!! Mas é interessante assistir à uma partida como essa, transmitida pela tevê do adversário. A parte ruim aqui do Japão é que se o Brasil joga com a Rússia, , por exemplo, normalmente não é transmitido, e nós brasileiros - e russos tbm -simplemente ficamos na vontade e à espera do resultado. Felizmente, o Japão estava na final e com isso eles transmitiram a partida. No caso do vôlei, esporte em que o Brasil se destaca, os japoneses respeitam muito a seleção brasileira.

A todo instante eles elogiavam as jogadoras e o time brasileiro. Adjetivos como “equime mais forte do mundo”, “rainhas”, “poderosas” etc eram constantemente usados. Lembro de um lance em que a jogadora japonesa Inoue bloqueou uma corta da Sheila. Nossa, esse lance levou as jogadoras e o locutor ao delírio! O locutor japonês exaltou a jogadora japonesa, mas sem desrespeitar a brasileira, ao dizer: Inoue!!!!! Inoue impede a poderosa Sheila de seguir !!!! E a cada lance em que Inoue aparecia, ele lembrava que ela bloqueou uma cortada da Sheila!! Também achei interessante o fato de o locutor dizer que jogadora Michie – se não me engano – era brasileira e terceira geração descendente de japoneses. Bom, era mais para deixar registrada a vitória do Brasil em território japonês!



Parabéns Meninas!! Parabéns Equipe Técnica!! Parabéns BRASIL!!!

8 comentários:

  1. Olá meu caro
    sabe vc colocou um ponto interessante, por aki tb foi assim, só mostrou os jogos do Brasil, os outros jogos nada se o mesmo não fosse para final não seria transmitido, pelo menos não teve Galvão Bueno narrando hahaha.
    tenha uma ótima semana
    abraços

    ResponderExcluir
  2. A jogadora do Brasil que é descendente de japoneses é a Ana Tiemi (levantadora reserva) e esse jogo, que aliás não era final, era o ultimo jogo do Gran Prix que foi disputado em pontos corridos, acabou não passando na Globo também, só na SPORTV.

    ResponderExcluir
  3. PARA TALIESIN,
    Aqui que vc diz seria Brasil? Interessante saber disso. Mas eu lembro que no Brasil eu assistia à partidas de vôlei e de futebol tipo Alemanha e EUA, por exemplo. Será que mudou? Enfim, obrigado pelo comentário e uma ótima semana para você!

    ResponderExcluir
  4. PARA ANÔNIMO,
    Tiemi! Isso mesmo! Lembrei agora...rs. Então não era final? Não sabia. Obrigado pela informação! Bom, aqui tbm, eu agredeceria se não passasse numa Globo da vida, mas passasse em qq outro canal. Mas enfim, o Brasil ganhou! Isso que interessa, né?! Obrigado pelo comentário! Volte sempre!

    ResponderExcluir
  5. o anônimo já falou né. eu vim toda feliz contar o nome da menina (ana tiemi)hahaha...

    e só um parêntese: você procurou nos jornais japoneses, no globo, mas não procurou no meu japão! tava lá desde domingo! hihihi...

    mas viva a seleção brasileira! as meninas arrasaram! invictas!

    ps: morri de rir do seu comentário no twitter! não vai ter post sobre o aviso de terremoto por engano? conta mais!

    ResponderExcluir
  6. hello... hapi blogging... have a nice day! just visiting here....

    ResponderExcluir
  7. Desde a copa de 1982 que não consigo mais ficar torcendo. Era do tipo que torcia calada e isso causava um grande estress, agora eu abstraio.Brasil sempre mas torcer que nem uma louca... chegou.Sei que meu estômago agradece.

    ResponderExcluir
  8. Eu tambem tive vontade de ver os jogos da seleção de volei, mas acabei ficando só com a vontade, nem contra o Japão eu assisti.
    No começo esse barrismo japones me deixava indignado...hummm...hoje já estou mais conformado com isso e não deixo a ansiedade tomar conta, apenas " depois vejo na internet"...rs.

    ResponderExcluir