30/01/2010

Os vários mapas do Japão

Repare neste esquema.


Se eu disser que essas palavras são os nomes das províncias – os que seriam equeivalentes aos Estados do Brasil - você conseguiria me dizer baseado em que elas estão listadas? Pois bem. Se você sabe um pouco que seja de Geografia, fica fácil adivinhar! Isso mesmo! Acertou quem disse que os nomes estão expostos conforme o mapa do Japão!!!






Aliás, eu acho engraçado como os mapas aqui assumem formas diferentes conforme o espaço disponível onde eles são usados! Isso mesmo! Imagine por exemplo fazer o mapa do Brasil e arrancar a região sul e colocá-la separadamente ao lado da região nordeste, por exemplo. Ou o pegar a ilha de Fernando de Noronha e apresentá-la perto da região da Amazônia!! Pois é esse tipo de coisa que fazem com o mapa do Japão que a gente estuda na escola!! É comum eles pegarem a ilha de Okinagawa, e trazerem para bem mais perto das ilhas principais ! Bom, até aí, tudo bem, porque a ilha de Okinawa fica beeem lá embaixo e ficaria complicado representá-la, mantendo a distância real. Mas os mapas mais engraçados mesmo, pra mim, são os mapas em que eles simplesmente deslocam a ilha de Hokkaido, aquela lá de cima!! Isso mesmo!! Eles tiram a ilha do lugar e colocam em outro que na realidade não é!!! Saca o mapa do Japão? Não parece um dragão? Então, eles simplesmente arrancam a cabeça do dragão fora!! Essa parte que eles mudam!!! E pasmem! Até brinquedo educativo para as crianças mostram esse mapa que não representa a forma real do país!!! É mole?! Não acredita nisso? Então veja você mesmo!!



















Não é estranho dar para as crianças um mapa que não é o que o verdadeiro Japão?? Agora maneiro também é que qualquer coisa que se assemelhe ou que faça alguma menção ou referência ou que lembre essa forma de dragão, já vira mapa do Japão. Veja os mais diversos, digamos, estilos, de se representar o mapa do Japão!




















E já que estamos falando em mapa do Japão, aí vai um conselho para quem estuda japonês: não confunda mapa do Japão com queijo!! Isso mesmo! O primeiro se fala chizu e o segundo chiizu. Se escrever fica fácil: 地図 e チーズ!!!

10 comentários:

Lord disse...

Esse penúltimo é MUUUUITO esquisito.lol
Realmente... Muito Japão isso aí. xD

sarkazein disse...

Acho que você interpretou errado. Aquilo é só uma ampliada no mapa pra mostrar que hokkaido e okinawa também fazem parte do território, não quer dizer que eles fiquem naquela região, né. além disso, nenhum mapa é 100% fiel. sempre tem intenções e representações diferentes. enfim.

Roberto disse...

Oi, Caruso, tudo bem? Esse estranhamento acontece porque o Brasil é um país continental. Portanto, não tem sentido em cortar regiões pra representá-las mais facilmente no mapa. No Japão, que é um país insular, essa idéia não soa tão absurda, embora, claro, gere estranheza para quem não está acostumado. Em um primeiro olhar, não há erros cartográficos nos mapas que você apontou. Isso porque há as linhas que separam as partes do mapa, deixando claro que não há continuidade espacial entre as áreas do mapa. O mapa, vale lembrar, não é a realidade mas, sim, a representação gráfica dela, um recurso para transmitir uma informação. Se a informação a ser transmitida não é a posição dos lugares em relação aos demais, respeitar a regra da continuidade espacial não é necessária. Agora, se o mapa visa mostrar que Hokkaido fica ao norte de Honshu, aí, sim, os mapas que você mostrou são inadequados.

Já na segunda parte do seu post, as imagens mostrou não são mapas. São, na verdade, diagramas. Eles não têm escala, nem respeitam outras convenções cartográficas. Os diagramas que você mostrou servem, apenas, para dar uma idéia de proporção e de posicionamento das províncias e das principais ilhas japonesas. Os diagramas são muito usados, por exemplo, no metrô. Quando a gente vê um mapa do metrô, não quer saber a escala, a distância exata das estações entre si nem a posição exata delas no espaço. O que interessa é a ordem das estações e uma mínima idéia de relação entre as linhas. Então, há distorção de tamanho, de escala e de uma série de outras convenções cartográficas. O diagrama é um trabalho de design, não de cartografia.

Um abração,

Roberto

Henrique disse...

Fala, Caruso! Que coisa maluca esses mapas... oops, diagramas! rsrs. Alguns parecem mais tabela periódica. Olha, quando a ilha é muito longe, até justifica "cortar" e "colar" mais perto, mas pelo que vi essa cabeça do dragão não precisava ter cortado, pois já tá geograficamente próxima. Mas isso é bem comum em outros países, e o maior exemplo são os EUA, com o Alaska e o Havaí no cantinho. Já esses diagramas aí são meio estranhos, porque distorcem as proporções e posições geográficas... não vejo muito motivo pra isso. Imagine só um mapa do Brasil do tipo: Amazonas e Sergipe seriam um quadradinho do mesmo tamanho?? Fala sério...

Cássia Dias disse...

Discordando do Roberto, acima, acho que mapa deve ser uma representação da realidade sim! Se tem curva, se é reto, se tem desvio, deve aparecer sim!
Fora isso, pra mim todas as imagens lembram uma tabela periódica ao contrário mas no fundo no fundo, até lembram o arquipélago.

Tenchu disse...

Nossa, tem uns que se parecem mais mesmo é Tabela de Elementos Químicos..heuhuahaa
^____^

Peter disse...

Bem eu não apoio fazer esse tipos de mapas mas... uma mapa nunca vai ser 100% real pois é a forma plana de objeto redondo, a terra.

Xande disse...

Gostei do post, é interessante. Gostei também do comentário do Roberto, esclarecedor, mas concordando com o da Cássia tb. Talvez como leigos em cartografias, escalas, longitude, latitude, etc achamos que o mapa deve realmente representar a realiadade. Tudo depende de que está lendo e para que serve a informação.
O que vale destacar é a evolução da cartografia, vide o Google Earth...com a acertividade, com as novas dimensões dos mapas, Sistemas de Informações Geográficas, imagens de satélites, CADs, etc...

Parabéns pelo post e belo blog.

Taliesin disse...

Meu amigo
gomen pela ausência, agora retornando a rotina.
muito legal mesmo esses mapas, a diversidade q eles criam, é legal.
abraços

Juh x3 disse...

E eu jurando que era a tabela periódica...
.-.
Pois é, mas que estranho! Tem uns kawaii, mas outros são a plena esquisitisse...>->
Hehe, adorei o post!!! \o/
Nyyaa~