11/06/2011

MINHA QUINTA MUITO BRASIL

Na quinta-feira passada fui ao famoso bairro de Roppongi・六本木・ろっぽんぎ. Parecia uma quinta-feira normal exceto pelo fato que eu estava indo a Roppongi não para beber ou para dançar e nem era à noite. Mas o que eu me deixou surpreso foi perceber que aquela era uma quinta-feira "Muito Brasil". Digo isso porque mesmo sem querer, durante algumas horas em que estive por lá,  eu vi diversas coisas, figuras, fotos, pessoas que me fizeram lembrar do meu país.

Primeiro, para gastar tempo antes de ir até o local onde eu deveria ir, resolvi dar um pulo no Dom Quixote, uma loja de leque-treques e bugigangas em geral. Tem tanta coisa que você chega a ficar perdido e para quem tem claustrofobia・閉所恐怖症・へいしょきょうふしょう, eu não aconselharia visitar nenhuma filial do Dom Quixote, pois são todos do mesmo estilo! Algumas menos apertadas do que outras, mas a poluição visual é a mesma! Mas eu estava lá batendo perna e quando cheguei na seção de bebidas, me deparei com uma vitrine especial do Brasil, ensinando como fazer caipiroska! Maneiríssimo! Vejam!


Fiquei um tempinho olhando, tirei foto e segui pelo interior da loja para ver outros produtos e de repente, português! Não! Não tinha nada escrito em português não! Eu é que tinha ouvido português! Eram duas brasileiras que conversavam em português claro! Achei o máximo e como estavam bem do meu lado, não pude me conter! Perguntei "Brasileiras?". OK, sei que é a pergunta mais idiota do mundo, mas para iniciar um papo numa hora dessas, não sei nunca o que dizer em primeiro lugar. Elas sorriram e uma delas me devolveu a saudação dizendo: "É bom escutar a nossa língua num lugar assim tão longe  e tão de repente!". Apesar disso, nosso papo terminou por aqui....rs. Percebi que elas não estavam muito afim de papo e simplesmente, dei um tchau e desejei um bom dia e pronto. Elas agradeceram e me desejaram o mesmo.

Mas depois fui procurar o lugar que eu queria ir. Saí do Dom Quixote e, olhando para lá e para cá na rua, em plena Roppongi - bairro que ferve na night - não é que eu vi uma bandeira linda!! Aliás, uma não! Duas! Eram duas bandeiras do Brasil exatamente na mesma rua e muito próximas uma da outra!




Depois fui comer um lanche no Mc e, sentado, sozinho, comendo, olhei para o lado e vi uma palavra em português como parte da decoração do Mc Donalds mais concorrido de Roppongi durante a madrugada! 


Sem falar que na mesma hora, estava tocando uma música em português, bossa nova, claro. Eles adoram! Fiquei muito feliz de sentir a presença brasileira em diversos elementos que deixaram minha quinta-feira no Japão um pouco mais verde-amarela!

5 comentários:

  1. Foi muito divertido o blog !!! Senti mais saudade do que tinha, mas tô chegando aí e a gente anda na rua dia inteiro procurando uma novidade no Japão !!!

    Beijão !!!

    MAKO

    ResponderExcluir
  2. Mako,

    Que honra ter você por aqui! deu saudade do Japão né? Por isso que eu nnao leio mais seu blog sobre o Rio...kkk...brincadeira! Beijão! Vamos nos encontrar qdo vc estiver por essas bandas. Beijão II!

    ResponderExcluir
  3. Olá! Tudo bom?
    Sou um leitor fiel do seu blog desde março deste ano.
    É bom saber como um brasileiro enxerga o Japão do ponto de vista do brasileiro.
    Bom.
    Apesar de ser japonês,eu nunca fui a Roppongi nem Domquixote.
    Sou de Ibaraki, que é mais ou menos perto de tokyo.
    Mesmo assim,não tive oportunidade de conhecê-las e nem tinha tanto interesse...
    Quando eu voltei ao Japão no início deste ano, eu me encontrei com as pessoas falando em português num shopping da Ibaraki.
    Porém,não cheguei a falar com eles por causa da vergonha.
    ;)

    ResponderExcluir
  4. o engraçado e que a gente da um dedo pra sair do pais,e daria a mao inteira pra voltar (mas nao volta) hehehe

    e estranho,eu quero mesmo e morar fora,mas,nas poucas vezes que sai,a saudade e imensa...a gente e mais brasileiro la fora! Mesmo assim,quer ficar,porque o mundo e grande....mas tem o orgulho e amor de ser brasileiro,e aquela sensaçao de alegria imensa logo que volta haha...

    mas é bom,poder sentir essa saudade,saber que algo muito bom fic(a)ou nos esperando =)

    ResponderExcluir
  5. Muitos brasileiros estão pelo mundo mesmo, principalmente agora, que estão viajando e fazendo intercâmbios para os mais diversos locais do mundo.

    A, esse Don Quixote eu conheço de um jogo, Yakuza (Ryu Ga Gotoku no Japão, parece). Nesse jogo, ele é também algo como uma mercearia grande^^

    ResponderExcluir