31/12/2010

FELIZ ANO NOVO !

CAROS LEITORES,

DESEJO A TODOS UM 2011 REPLETO DE REALIZAÇÕES E MUITA SAÚDE! OBRIGADO A TODOS VOCÊS QUE ACOMPANHAM O MUITO JAPÃO E PARTICIPAM COM COMENTÁRIOS, CRÍTICAS E ELOGIOS. PARA QUEM PRETENDE UM DIA CONHECER O JAPÃO DE PERTO, QUEM ALMEJA PASSAR NO EXAME DE PROFICIÊNCIA JAPONESA OU SUBIR MAIS UM NÌVEL, PARA QUEM JÁ PLANEJA UMA VIAGEM AO JAPÃO NO PRÓXIMO ANO... ENFIM, TODOS, DESEJO A TODOS QUE REALIZEM SEUS SONHOS.




EU SEMPRE QUIS MORAR AQUI E ACREDITEI. SÓ NÃO SABIA QUE SERIA POR TANTO TEMPO E QUE PASSARIA POR TUDO QUE PASSEI ATÉ HOJE. MAS DEVO TUDO A MINHA FAMÍLIA QUE SEMPRE ME APOIOU, FOSSE COM PALAVRAS, COM CAIXAS E CAIXAS COM COISAS DO BRASIL, PRESENTES E TELEFONEMAS QUE NUNCA DIMINUIRAM COM O PASSAR DO TEMPO.




AGRADEÇO TAMBÉM AOS AMIGOS QUE DEIXEI NO BRASIL QUE SEMPRE ME PRESENTEIAM COM MENSAGENS, RECADOS, FOTOS E TUDO MAIS PARA EU LEMBRAR DE QUE TENHO AMIGOS DE VERDADE E QUE A DISTÂNCIA NÃO ME FAZ PERDÊ-LOS. AOS AMIGOS QUE FIZ AQUI NO JAPÃO COM QUEM COMPARTILHEI E COMPARTILHO A TODO TEMPO BOA PARTE DOS SENTIMENTOS DE CONQUISTA, ALEGRIA E PORQUE NÃO DIZER LÁGRIMAS, DEPRESSÃO E SAUDADES DE CASA...




AOS AMIGOS QUE FIZ ATRAVÉS DESTE BLOG E QUE TIVE O PRAZER DE CONHECÊ-LOS PESSOALMENTE EM SUAS VINDAS AO JAPÃO! AGRADEÇO A TODOS POR TUDO E POR TODA EXPERIÊNCIA QUE TIVE. EM 2011, QUERO APRENDER MAIS COISAS. QUERO VIVER MAIS COISAS. QUERO RELIZAR MAIS SONHOS. POIS APRENDI QUE O IMPORTANTE NÃO É SIMPLESMENTE ESPERAR, MAS SIM, A-CRE-DI-TAR!!

FELIZ ANO NOVO ! FELIZ 2011 !
JULIO CESAR CARUSO 
2010 -2011
  

PLANTÃO MUITO JAPÃO informa: Novo programa da Band, CLASSE TURISTA versão Japão, será exibido DIA 11 de JAN !

O novo programa Classe Turista - o mundo segundo os brasileiros estreia na televisão brasileira no dia 4 de janeiro de 2011. O programa vai mostrar brasileiros que vivem fora do Brasil e um pouco dos costumes e cultura dos países onde vivem. No dia 4, você verão brasileiros que vivem em Israel, mais precisamente, em Jerusalém. E no dia 11 de janeiro é a vez de TÓQUIO! É quando eu, Julio Cesar Caruso, Sabrina, Marcelo e outros conterrâneos que vivem na cidade, mostraremos um pouco da capital do Japão com suas curiosidades, diferenças, modernidades e tradições. Com certeza será um programa maneiríssimo! Você não pode perder! 

Mais uma vez, gostaria de destacar o profissionalismo, companheirismo e a simpatia da repórter brasileira Adriana de Almeida Gomes e do câmera argentino Charly !



Em nome de todos nós brasileiros que vivemos fora do Brasil e compartilhamos com vocês um pouco de nossas vidas e sentimentos de alegria, saudade e acima de tudo, por termos tido o prazer de conhecê-los, o nosso Muito Obrigado! Fiquem agora com algumas fotos que os Adriana e Charly fizeram por aqui!












25/12/2010

CLASSE TURISTA em TÓQUIO

O programa Classe Turista será apresentado pela Band no lugar do programa A Liga. Trata-se de um programa inovador e totalmente diferente do que você  já viu na televisão brasileira. São brasileiros que vivem fora do Brasil e que irão mostrar de um modo bem casual, mas ao mesmo tempo informativo, um pouco da cultura e dos costumes dos países onde vivem. É um programa que mistura jornalismo, com cultura, diversão, turismo e comportamento. Os primeiros lugares a ser mostrados serão Tóquio, Amsterdã e Jerusalém!




Eu, Julio Cesar Caruso, tive a honra de participar das gravações do programa em Tóquio! Sim, sou um dos brasileiros que mostrarão um pouco da capital japonesa. Me diverti muito fazendo o programa, graças à simpatia da repórter brasileira e do câmera argentino. Foram pessoas que, além da extrema competência  e  profissionalismo, mostraram simpatia e bom humor, o que me deixou, e acredito que a todos os outros brasileiros, bem à vontade. Valeu mesmo! Obrigado à Bandeirantes pela oportunidade e pelos enviados da emissora que nos proporcionaram momentos de extrema diversão e prazer!



Me amarrei na edição do programa, na música, nos efeitos e no depoimento dos outros conterrâneos. Espero que vocês leitores gostem também e não percam o programa que estreia no Brasil no dia 4 de janeiro! Até lá! Quem ainda não viu a chamada do programa que já está passando na televisão do Brasil, pode assistir aqui no Muito Japão! Basta clicar no banner do programa Classe Turista, que você encontra na barra lateral!

23/12/2010

Natal no Japão


Muita gente me pergunta se aqui no Japão tem Natal. Bom, confesso que considero uma pergunta um tanto vaga, mas para ser categórico e deixar a pessoa satisfeita com uma resposta aceitável, eu digo logo: Igual ao Brasil não tem! (Bom, digo Brasil porque eu mesmo nunca passei o Natal em outro país católico...)

OK! Não sou aquele católico exemplar, mas confesso que aquele clima de fim de ano, clima natalino, clima de festas, de presentes, de perdão que pairam no ar nesta época do ano no Brasil são bem diferentes por aqui. E é justamente nessa época do ano que o termômetro da saudade atinge seus índices mais altos!

É conversando com outros brasileiros que nos entendemos e percebemos o quanto Brasil e Japão são diferentes. Juntos, lembramos do clima de festa que o Brasil entra no final do ano. Aquela coisa de entrar de férias no trabalho e no colégio, comprar roupas novas, presentes, participar de altas festas, churrascadas e confraternizações com direito a amigo oculto e tudo! Montar árvore de Natal, enfeitar a casa toda com artigos de Natal, guirlandas, figuras de papel noel, presépio!!!!!!! É pensar no que vai dar para quem na noite da ceia, comer presunto com fios de ovos, arroz com passas, castanha, bacalhau, peito de peru, lentilha, frutas e frutas, enfim, uma mesa farta...isso sem falar nas viagens para passar o Natal com a família que mora longe e nos Especiais de Natal que vemos em todos os canais de TV !


E pensar que tudo isso era normal quando eu vivia no Brasil. Claro, como tudo na vida, há o outro lado da moeda. Eu sei. Os engarrafamentos, as filas nas lojas e shoppings de maior popularidade. Mas aquele clima é que faz a grande diferença! Aqui o Natal é bem diferente!

Não tem ceia de Natal. Nem mesa farta. O que tem é um bolinho - sem força de expressão - literalmente um bolinho de Natal. Sabe-se lá o porquê, mas aqui é tradição comer o que eles chamam de Kurisumasu Keeki (do inglês Christmas Cake), ou seja, Bolo de Natal. É caríssimo e só falta vir com uma lupa de brinde! 



No dia 24 e 25 trabalha-se normalmente! Claro que no Brasil também trabalha quem está nos hospitais, aeroportos, hotéis e afins. Eu mesmo trabalhava no aeroporto e trabalhei no Natal para folgar no Carnaval. Mas aqui no Japão, eu me refiro a empregos comuns. É dizer, dias 24 e 25 são dias como outros quaisquer. Eu, por exemplo, trabalharo em uma empresa comum e vou trabalhar no dia 24 em turno dobrado, até às 21h, justamente para poder ter direito a uns dias de descanso no final do ano.

Você não cumprimenta o vizinho ou um conhecido com Feliz Natal. Lembro que quando andava pela rua onde eu morava e encontrava alguém conhecido, havia sempre aquela troca de saudações de Natal. Ou mesmo no elevador do condomínio, a despedida era sempre um caloroso "Feliz Natal pra você e pra sua família!" 

Fora as famílias brasileiras que estão inteiras aqui e as comunidades católicas, o comércio e os motéis são os que mais festejam o Natal por aqui !! Isso mesmo!! Comércio e motéis!! Explico: bom, o comércio "comemorar" uma festividade que não é do país e que grande parte da população sequer sabe o significado ou a origem, creio que não precisa explicação. Vide Halloween no Brasil ou mesmo aqui no Japão.

E quanto aos motéis, a explicação é simples. O Natal aqui no Japão tem um clima de romantismo. É quase que como um dia dos namorados! Enquanto as revistas voltadas para o público feminino fazem matéria do tipo "Como presentear seu gato na noite de Natal", as revistas para homens, dão dicas de lugares para levar as meninas para comer...(risos)! Conclusão, o engarrafamento aqui é nos restaurantes e motéis!

O próprio Yahoo! Japan ajuda a quem não sabe onde levar a namorada na noite de Natal. Basta digitar クリスマス・KURISUMASU・NATAL que vai aparecer entre as opções クリスマスデート・KURISUMASU DEETO, do inglês Christmas Date, Encontros de Natal.


Fora isso tem uma manifestação de Natal uma aqui, outra acolá. Hoje por exemplo vi no jornal da TV, um zoológico onde os elefantes se vestiram com um manto natalino e com a tromba, tocaram uma música de Natal badalando sinos. É tudo superválido. Mas não é a mesma coisa...

O maneiro é que o Natal aqui é frio! A previsão para este ano é de 3 graus para o dia 24 e 25 ! Vendo neve ao vivo e à cores é maneiro... dá mais clima de Natal. Outra coisa típica do Natal daqui do Japão é o que eles chamam de イルミネーション・IRUMINEESHON・ILUMINAÇÃO. Em tudo quanto é lugar tem isso! É na Torre de Tóquio, nos shoppings etc. Em todo o Japão tem isso! Nessa época do ano o que mais se vê de anúncio e propagandas de irumineeshon aqui, outro ali, mais outro lá... eles adoram!!



Outra coisa que sinto que é bem diferente são os enfeites natalinos nas casas. Nos shoppings claro que tem, mas digo nos bairros residenciais. Você caminha por ruas e ruas e vê uma ou duas janelas com uma luzinha de Natal. Lembro que na minha cidade tinha até concurso de enfeites de Natal. Nossa, era cada casa, cada varanda enfeitada! Da varanda da minha casa eu ficava vendo os enfenites das varandas vizinhas. Era lindo!Bom, nem vou falar da sensação de andar pela Lagoa Rodrigo de Freitas à noite e ver esportistas, famílias e casalzinho de namorados contemplando a maior árvore flutuante do mundo! Para! Para! Para! Chega!!! Vou parar por aqui! Melhor!


メリークリスマス・MERII KURISUMASU...isso mesmo, é FELIZ NATAL em japonês, digo, inglês nipônico porque em japonês, japonês mesmo não tem! Um Natal maravilhoso para você leitor e para todos os seus! Felicidades! Paz! Saúde e Harmonia!





Aniversário do Imperador do Japão

Hoje dia 23 de dezembro foi feriado em todo o país por um motivo Muito Japão: Aniversário do Imperador・天皇誕生日・てんのうたんじょうび. O Imperador do Japão completou 77 anos e como manda a tradição, permitiu abrir as portas do Palácio Imperial para o grande público chegar próximo à sacada do palácio e acenar para toda a família imperial japonesa. Para quem não tem a mínima ideia de como é isso, para quem não conhece o Imperador do Japão ou para aqueles que o conhecem, mas nunca ouviram sua voz, aí vai um vídeo do evento de hoje, conhecido como 一般参賀・IPPAN SANGA.


No discurso o Imperador agradece a visita de todos ao palácio para felicitá-lo pelo aniversário. O Imperador também lembrou da crise econômica, do calor extremo que assolou o país este ano e das dificuldades que muitos passaram. Ao final, ele comentou que falta pouco para o ano terminar e desejou a todos muita saúde e um próspero ano novo.


22/12/2010

A palavra é: gopan?!

Você sabe como se diz pão em japonês? É fácil. "Pan". E "arroz" sabe? Se diz, "gohan" (se for cru: "kome" ou "o-kome"). Mas a palavra é GOPAN! Ouvi pela primeira vez na semana passada quando conversava com um colega japonês. え?ごぱん知らない?・E? GOPAN SHIRANAI?・ O quê? Você não conhece "gopan"?

Achei que era alguma palavra que eu não conhecia e já pensava em buscar no dicionário quando ele me explicou e depois que vi o que realmente significava, percebi que era palavra nova e recente. Segundo ele, a tecnologia também era nova, no mundo!



Palavra nova? Tecnologia nova? Sim. GOPAN é a máquina de fazer PAN de GOHAN, em português claro, máquina de fazer PÃO DE ARROZ! Isso mesmo! É até o slogan do produto: おうちのお米を、そのままパンに・O-UCHI NO O-KOME WO, SONO MAMA PAN NI・Com o arroz que você tem em casa, você faz pão.



Bom, arroz é que não deve faltar em nenhuma casa japonesa. Além de fazer parte do principal alimento consumido pelos japoneses, ainda é grande o número de japoneses que comem arroz no café da manhã. Isso mesmo! Arroz de manhã! Aqui as vezes tem até campanha de se comer arroz pela manhã para se ter um dia saudável! Eu ainda sou partidário de um bom café com leite e um pãozinho com manteiga...mesmo que não seja um delicioso pão francês comprado na padaria logo nas primeiras horas da manhã - o que é raro por aqui - mas arroz de manhã, realmente, não me apetece nem um pouco...
  
...em todo caso, achei muito interessante uma máquina que faz arroz virar pão. Realmente, Muito Japão!...bom, pensando bem, talvez fosse mais Muito Japão se fizesse pão virar arroz...rs. Enfim...

Informações (em japonês) sobre a máquina de fazer pão de arroz fabricada pela Sanyo, clique aqui.

17/12/2010

Erro no letreiro: RESPOSTA !

PARABÉNS a todos que acertaram na mosca!! Trata-se de um erro primário!! Impressionante é como deixaram ficar assim em um letreiro tão grande e tão bem localizado! E se você não acertou e quer tentar mais, fique à vontade para tentar novamente! Para você que ainda não tentou, veja se você consegue achar o erro do letreiro na foto que eu tirei em Roppongi! A resposta você confere na página de comentários dos leitores!

*O restaurante Tenka Ippin é grande e seu letreiro é muito bem visto e bem localizado, mais precisamente, na esquina do Hard Rock Café de Roppongi, um badaladíssimo bairro de Tóquio, onde à noite, ferve! Não há como não ver o letreiro que mesmo a altas horas da madruga está acesão!


Mas, porém, contudo, todavia e entretanto, há um ERRO no letreiro! Você conseguiria identificá-lo? Alguns leitores já mataram! Parabéns ao Edu M.K, Sorocaba, S, Karina Almeida, Akira e ao ShigueS, principalmente, que foi quem percebeu o erro in loco! Logo, logo eu publico o comentário de vocês! É só para não dar a dica mesmo...rs.


E você, não quer tentar achar tbm?

Novidade Muito Japão: o blog na palma da sua mão !

Agora ficou mais fácil de você ler os posts do Muito Japão pelo iPhone! O seu blog em português sobre curiosidades do dia-a-dia no Japão ganhou uma versão mais simples, especial para você ler os textos de qualquer lugar em que você esteja - e que o sinal do celular pegue ! Além dos textos, as fotos são maiores, mais nítidas e você pode visualizar todos os comentários de cada post e, é claro, acrescentar o seu!





           Você não precisa mais chegar em casa para acessar o Muito Japão!  
O endereço é o mesmo:
 

Abre-te Sésamo Porta do Banheiro!

Não! Pensa junto comigo. Ao da porta do banheiro você tem dois botões gigantes - que praticamente se pode apertar com toda a palma da mão. Um em cima, outro embaixo. Está acompanhando?

Muito bem. O de cima é VERDE, o debaixo VERMELHO. No botão de cima, verde, tem escrito um ideograma em tamanho garrafal que significa ABRIR ( 開 ). Já no botão debaixo, vermelho, igualmente, um ideograma, em tamanho garrafal, e que significa FECHAR ( 閉 ).

OK. Agora vai a minha pergunta: para que serve cada um destes botões ao lado da porta do banheiro?????????? ...ou melhor: QUIZ!

Para que você acha que serve o botão VERDE escrito ABRIR que está ao lado da porta que está fechada ?!
1. Para reabastecer o porta-papel higênico
2. Para dar descarga
3. Para ativar o secador de mãos
4. Para desembaçar o espelho
5. Nenhuma das respostas acima....qual é a tua?está me chamando de idiota?!


Não! Pensa como se fosse no Brasil. Você vai no banheiro do aeroporto, por exemplo. O banheiro é único. Daqueles especiais para deficientes ou pessoas com bebês de colo. Você nota que não há ninguém. A porta está fechada. Ao lado da porta, há dois botões. Gigantescos! Um é VERDE e o outro é VERMELHO! No VERDE está escrito BEM GRANDE a palavra ABRIR e no VERMELHO, também, BEM GRANDE, a palavra FECHAR!


Aqui vai minha segunda pergunta: como você faz para entrar no banheiro que está vazio, com as portas fechadas e dois botões...que eu já me recuso a explicar de novo (risos)??

Agora uma mais difícil ainda: Supondo que você está dentro do banheiro com a porta fechada. Você quer sair. como você faz para entrar no banheiro que está vazio, com as portas fechadas e dois botões...blá blá blá (risos)??


Muito bem. Pergunto isso porque fui em um banheiro ontem e achei o máximo que, mesmo com um botão VERDE e outro VERMELHO, escrito ABRIR e FECHAR ao lado da porta, (...mesmo em um país onde o índice analfabetismo beira o nível zero, mesmo com ideogramas que constam na lista dos primeiros ideogramas que se aprendem na escola primária onde o ensino é obrigatório em todo o país e mesmo com o tamanho do botão e da fonte que até cego vê) estava lá a explicação pregada na parede  sobre os tais botões!!! Isso mesmo!!! Era a explicação do uso de cada um dos botões!!!

Vejam com seus próprios olhos!



Bom. Só há uma coisa que eu acho que pooooooooooode ser que tenha sido por isso que pensaram em gastar dinheiro com adesivo para explicar o porquê de um botão escrito ABRIR e outro escrito FECHAR bem ao lado da porta do banheiro. Pode ser que seja somente para explicar que a porta se tranca ao apertar o botão para FECHAR. E é isso que está mais ou menos escrito na explicação do botão VERMELHO escrito FECHAR.

Prefiro pensar assim...

Mas aí fica uma nova pergunta no ar: você acha que os caras fariam um banheiro moderno destes, com um botão VERMELHO, somente para FECHAR, mas que na verdade, não trancaria a porta?!?!?!???

Bom, deixa pra lá... 





DoNaDa

Passei no supermercado para comprar alguma fruta. Eu ainda insisto em querer comer fruta barata. Mas não é fácil. Ainda bem que eu não gosto de manga, por exemplo. Isso mesmo. Não gosto. Menos mal, porque olha o preço de UMA manga. UMA MANGA hein!



Não achou o preço? Claro, com essa festa de plaquinhas fica difícil né?...e se é uma pessoa que não sabe ler japonês, ferrou! O preço é esse pequeno do meio...onde está escrito マンゴー・MANGOO・MANGA. Viu lá? Aqui embaixo no zoom está mais fácil de ver!

1個 ¥600 ・ 1 MANGA ¥600 (R$13)!


Para se ter uma ideia do drama que é ver uma fruta custar seiscentos ienes, uma promoção do Mc Donald`s aqui no Japão com Big Mac+Refri+Batata Frita sai por ¥650!!!




Assim é fácil entender porque aqui frutas também são presentes!? Aliás me lembrei do choque cultural que levei quando ganhei uma caixa com dois pêssegos em uma festa de confraternização, em uma espécie de amigo oculto, entre japoneses e estrangeiros! Eu dei um porta-CD na época e voltei pra casa com dois pêssegos! Vale lembrar que aqui tem frutas muito, mais muito caras e que realmente podem ser consideradas artigos de presentes. Tem lá os exageros claro! Como lojas que vendem um melão em uma caixa bonita e que custa uma fortuna!


Algumas até dá para comprar, mas só na época mesmo. A melancia por exemplo! Isso me deixa muito triste. Isso porque a melancia é a fruta que eu mais gosto e, aqui no Japão, só se encontra durante o verão!!! Fora isso, nem pensar. Ou se tiver, vem numa bandeja, dessas de isopor e vem com três fatias! E é caro!! ...nessas horas lembro que minha mãe comprava toda semana na feira ou no hortifrutti uma melancia inteira ou metade que ficava linda na geladeira!!!! rs....


Ah sim! Já ia me esquecendo de um detalhe maneiríssimo! A manga da foto, como diria Galvão: ééééééééé do BRASIL!!!! Veja lá na foto de novo. Perto da setinha vermelha, no canto esquerdo, está escrito na plaquinha do preço: 

産地
ブラジル

SANCHI
BURAJIRU

PRODUTO DO
BRASIL

14/12/2010

Máquina de Refri Muito Japão

OK. Todo mundo está careca de saber que o Japão é o país das máquinas de refri, e que aliás vendem muito mais do que simples bebidas. Essas máquinas são mais conhecidas como Máquinas de Vendas Automáticas, tradução literal do termo em inglês Automatic Vending Machines, que por sua vez, vem da tradução literal dos ideogramas que formam a palavra 自動販売機(自動= automático, 販売= venda, 機= máquina) ...ou simplesmente 自販機・JIHANKI, para os íntimos...  

Enfim, eu vi essa máquina ontem.



É, eu sei, ela não tem nada de modernão. Não tem tela plana e vende somente bebidas. Mas achei um detalhe que a faz ser uma máquina Muito Japão! Isso mesmo! Fora o chá verde, esta poderia ser uma máquina de bebidas comum, possível de ser encontrada até no Brasil, se não fosse por pequeno detalhe...



...em lugar de uma Coca, um Sprite ou Kuat da vida, o trio de latinhas é formado por: sopa de feijão doce - com grãos dentro! - , sopa de milho e sopa de soja. Hummmm....Tudo muito sabo...digo, quentinho!!!


12/12/2010

Comercial Japonês

Na primeira vez que vi esse comercial, eu pensei: "Não. Não foi isso que eu vi!" (risos). Mas já na segunda vez, eu tive a comprovação! (risos) Era aquilo mesmo....

O comercial do restaurante de sushi, Gin no Sara, está até no site deles...



... e você, leitor do Muito Japão, confere aqui mesmo!

11/12/2010

Resultado da Pesquisa Muito Japão

Como vocês podem ver ao lado, está terminada a votação da Pesquisa Muito Japão. Confesso que o resultado me surpreendeu, mas talvez, acho que sei o motivo. Eu que nasci e fui criado no Rio de Janeiro, desde que me conheço por gente, nunca, jamais, vi um mendigo no metrô do Rio. Nos trens, eu não saberia dizer, pois, a única vez que andei de trem, eu tinha cerca de 8 ou 9 anos e não me lembre nem de como foi e nem do que vi. Apenas tenho a vaga lembrança de ter andado de trem com minha tia, mas dos detalhes, eu não lembro. Além disso, não sei como são as condições de trens e metrôs em outros estados do Brasil, por isso, não me sinto no direito de comentar a respeito.

Enquanto isso, aqui em Tóquio, onde já vivo há 8 anos, sempre vejo mendigo no trem. Sempre! Bom, isso não quer dizer que vejo todos os dias, mas também não é tão raro quanto as pessoas normalmente imaginam. Eu mesmo, enquanto no Brasil, se me dissessem que mendigos andavam de trem para cima e para baixo, eu custaria a acreditar. Mas agora sei que andam.

Quando isso acontece, a paisagem é sempre a mesma. Um cara muito mal vestido, cheio de sacolas e bolsas repletas de coisas, muitas vezes, cheirando mal, sentado em um banco no canto e ao redor dele, os assentos todos vazios. Quando o cheiro não está tão forte, até é possível ver algumas pessoas sentadas por perto, mas nunca ao lado! E é cômico ver a expressão de surpresa, dos passageiros que entram com toda sede ao pote e no afã de sentar no lugar vago em um trem cheio e, quando elas percebem o porquê do assento estar vazio, a expressão é inconfundível! Uns disfarçam e passam até para outro vagão. Outros, simplesmente, ficam em pé, mesmo diante do assento vazio.

Mas o pior é quando o cheiro está tão forte que cria aquela redoma ao redor do cara que praticamente ninguém ousa a chegar perto! E nas piores das hipóteses, o que já tive o desprazer de vivenciar, é impossível sequer permanecer no mesmo vagão!! É horrível!!!!

Não quero desprezar nenhum ser humano, mas o que mais me incomoda é o fato de ninguém barrar um cara desses de entrar, enquanto que se você está arrumado e de terno e gravata e perde o bilhete na hora de sair, você é interrogado por um tiozinho que te olha de cara feia!

Além disso, vira e mexe, os caras anunciam no auto-falante que se você avistar algum objeto ou pessoa suspeita, é para você avisar o condutor ou qualquer outro funcionário do trem. Mas onde eles estão quando o trem está em movimento??? E se parar na plataforma para avisar um tiozinho qualquer - se houver um - , será que ele tomará alguma providência?? E se avisar ao tiozinho que fica na roleta, será que ele fará alguma coisa?? ....essas coisas sempre me passam pela cabeça, toda, mas toda vez que eles falam isso.

Bom, enfim, a razão da minha surpresa talvez esteja no fato de eu me basear somente na experiência própria de, no Rio de Janeiro - Brasil, nunca ter visto na vida um mendigo dentro do metrô e em Tóquio - Japão, já ter perdido a conta de quantas vezes já vi um e já deixei de sentar e já tive que mudar de vagão....

...só espero que hoje, eu não passe por isso novamente! Obrigado a todos que participaram da pesquisa! Inclusive os que vivem em outros países, diferentes de Brasil e Japão! Muito Obrigado!

08/12/2010

Dia simples, mas, muito especial

Para quem gosta de relatos da vida privada vers:ao Japão, vou contar como o dia de ontem, foi simples, normal, mas muito especial. Fui a trabalho à Fujisawa, na província de Kanagawa. Eu e minha companheira de trabalho estávamos conversando quando percebemos que o casal de nipo-idosos da mesa ao lado, não tiravam os olhos da gente. Foi quando eu soltei uma piadinha com minha colega e vi que eles também riram! Nos entreolhamos e rimos os quatro juntos. Finalmente, ele me perguntou: ”スペイン語?・SUPEINGO?・É espanhol (o idioma de vcs)?”. Respondi que sim. E o senhor , insistiu: スペイン人?・SUPEINJIN?・(Vocês são) espanhóis?. Em japonês, respondi que não. Expliquei que eu era brasileiro e que minha companheira era peruana e que por isso estávamos falando espanhol. Aí ele chegou onde queria chegar!!!

Em português ele me disse: ”Eu falo português!” ...tudo com sotaque bem japonês, mas em bom português!  Levamos um susto e nos pusemos a rir! A senhora também quis participar e completou - também em português: ”Nós moramos lá no Brasil!”. ”Nossa! Que maneiro!”, pensei. Tremenda coincidência!! Sentamos ao lado de um casal de japoneses, idosos, e que falam português e moraram no Brasil!

Mas espere (não ligue agora)! O melhor da história, ele revelou logo depois! Eles nos contaram que estavam esquecendo português porque não tinham oportunidade de usar e que gostaram muito de morar no Brasil. Falaram que guardavam boas recordações do lugar onde moraram. Aí perguntei: ”Onde os senhores moraram?”. Com apenas uma palavra, ele tornou nosso encontro ainda mais especial!!! ”Rio de Janeiro”, disse. Nooooossa, aí parecia que já nos conhecíamos!!!!! Eles falavam do Flamengo, do Largo do Machado, do Catete, do Jardim Botânico e tantos outros lugares que eu me via caminhando com eles por todos esses lugares. Olha! Foi muito gostoso nosso papo! ”Eu gostei da Praia (de) Vermelha”, disse ela. Lindinha! Ela também comentou ter gostado muito de comer pastéis! Detalhe: ele 77 anos, ela 70!! Mas muito saudáveis, alegres, simpáticos e muito receptivos!

Ao final, trocamos contato, claro, e ele me deu até o endereço da casa deles!!!!! Achei legal ela dizer: ”Pode ir mas minha casa é uma FAVELA”. (risos). Valeu o dia!

Obrigado ! ありがとう!

Gostaria de agradecer aos leitores Andréa & CIA que detectaram e, muito gentilmente, apontaram alguns  erros que cometi nos posts mais recentes. Sintam-se à vontade para fazê-lo sempre que acharem algo estranho ou , é claro, incorreto. Quem me conhece, sabe que além de japonês, gosto muito da língua portuguesa e prezo sempre por uma grafia e um linguajar corretos e, quanto menos "ajaponesado" ou misturado com a língua japonesa, melhor ainda! Mas, apesar de estar sempre corrigindo erros de português alheios e trabalhar com tradução em língua portuguesa, não me considero livre de cometer erros, ortográficos, principalmente. Gostaria muito de não cometê-los, mas...Do mesmo modo que não sinto vergonha em ser corrigido, pelo contrário, sou muito agradecido! Mais uma vez, muito obrigado!

04/12/2010

Nipovovô de 61 anos tirou a carteira de motorista aos 16 e nunca renovou

O que me diz sobre um japonês dirigir sem carteira? Inimaginável? Pois é, tem sim. Agora o que me diz sobre dirigir sem carteira de motorista durante 40 anos?!?!? Pois é...

...em Nagoia, na província de Aichi, um nipovovôzinho de 61 anos de idade foi detido por dirigir sem carteira de motorista, ou melhor, com a carteira vencida....detalhe: há 40 anos!!!!!!! Segundo a matéria publicada no dia 1o, no jornal Mainichi, o nipovovôzinho tirou carteira de motorista para carro de passeio aos 16 anos de idade e simplesmente, NUNCA renovou!



Ainda segundo a reportagem, ele já havia sido detido em agosto do ano passado por estar sem carteira. Este ano, no último dia 30, foi parado pelo mesmíssimo policial que descobriu a infração novamente! A carteira de motorista própria para carros de passeio expirou em 1968!!! Agora uma informação muito importante e extremamente reveladora descrita na reportagem: no momento em que foi apreendido pelo policial, o nipovovôzinho voltando para casa, pois, ele havia levado sua concubina ao trabalho.

Enfim, foram 40 anos dirigindo sem carteira e amarradão...até ser detido pela segunda vez pelo mesmo policial, é mole ou quer mais? 



VOCABULÁRIO・ボキャブラリー

愛知・aichi・Aichi
名古屋・nagoya・Nagoia
容疑者・yougisha・suspeito
違反・ihan・infração
無免許・mumenkyo・sem carteira, licença
運転する・unten suru・dirigir
現行犯逮捕・genkouhan taiho・prisão em flagrante
16歳・juuroku sai・16 anos
軽乗用車・keijouyousha・carro de passeio
一回も・ikkaimo・nem uma vez, nunca
更新する・koushin・atualizar, renovar
偶然・guuzen・por acaso
見付ける・mitsukeru ・encontrar, achar
発覚する・hakkaku・revelar, expor, descobrir
廃止する・haishi・abolir, encerrar
内縁の妻・naien no tsuma・concumbina
職場・shokuba・(ambiente, local de) trabalho
帰る途中・kaeru tochuu・ caminho de volta para casa

01/12/2010

QUANTO CUSTA NO JAPÃO?

Não é de hoje que eu ouço essa pergunta. Também acredito eu que hoje não será a última vez. Pensando nisso, criamos a seção QUANTO CUSTA NO JAPÃO? para mostrar um pouco dos preços de alguns artigos que são comercializados por estas bandas. Estreamos a seção mostrando o preço do iphone 4. Se você perdeu, não tem problema. É só clicar AQUI.

Hoje, não-coincidentemente, iremos mostrar o preço de mais um produto Apple; o ipad! Já que estamos a poucos dias do início das vendas do ipad no Brasil, marcada para o dia 3 de dezembro, vamos mostrar quanto ele - conhecido como aipaddo -  custa aqui no Japão, para que vocês possam fazer uma comparação (juro que não foi minha intenção rimar!).

Mas afinal...

QUANTO CUSTA UM IPAD NO JAPÃO?



Wi-Fi

16GB         ¥48.800          R$ 987.47          R$1.649*
32GB         ¥58.800          R$ 1.189,82       R$1.189*
64GB         ¥68.800          R$ 1.392,17       R$2.199*


Wi-Fi+3G 


16GB          ¥61.800          R$1.250,53         R$2.049*
32GB          ¥71.800          R$1.452,88         R$2.299*
64GB          ¥81.800          R$1.655,23         R$2.599*

Fonte: http://www.apple.com/jp/ipad/
* Preço sugeridos no Brasil


Confira agora o comercial do iPad veiculado na TV japonesa!

Os japoneses e os japoneses


Um blog de brasileiros vivendo em diferentes cantos do planeta. Experiências, curiosidades e dicas de como não passar aperto em terras estrangeiras. Estou falando do blog Brasil com Z do qual tenho a honra de participar como colaborador do Japão! Recentemente tive mais um de meus textos publicados no blog!

Os japoneses e os japoneses

Sempre me perguntam se os japoneses gostam dos brasileiros. Eu digo que em geral sim, mas isso é muito relativo. Talvez um japonês que já tenha tido algum problema com um vizinho brasileiro, tenha se separado da mulher brasileira, esse sim deve se recusar até a ouvir bossa nova que é pra não lembrar de brasileiro nenhum. Do mesmo modo que se me perguntarem se eu gosto dos japoneses, responderei que em geral sim. Só no trem que encontro mais carinhas do tipo que eu não gosto! Mas uma coisa é certa: há japoneses e japoneses. OK! Pode parecer que estou dizendo algo óbvio demais, mas me refiro a uma separação de grupos muito peculiar aqui no Japão! O texto na íntegra, você confere AQUI !


Classe Turista BRASIL - o mundo segundo os brasileiros


"Mantenha seu passaporte em mãos e prepare-se para embarcar numa viagem pelos quatro cantos do planeta, sem sair de casa. "Classe Turista, o mundo segundo os brasileiros" estreia em 4 de janeiro na Band e terá 13 episódios. Atração será exibida durante férias do programa "A Liga", todas as terças, às 22h15. Sucesso internacional produzido pela Eyeworks/Cuatro Cabezas (mesma produtora do CQC, A Liga, O Formigueiro e Polícia 24h), a série levará o telespectador a percorrer os principais roteiros turísticos do mundo, lugares muitas vezes longínquos e pouco explorados, porém repletos de descobertas e contrastes. África, Ásia, Oceania, Europa e Américas: a cada destino uma nova aventura, narrada por personagens reais em tom documental e quase autobiográfico. E a cada novo episódio, as várias facetas de uma mesma cidade, com dicas, roteiros, histórias e revelações muitas vezes emocionantes.

"Classe Turista" é uma nova maneira de explorar e conhecer o mundo sem precisar fazer as malas, falando de lugares e coisas que gostamos sob o olhar de quem ama o Brasil, mas vive longe dele. "

Jerusalém, Hong Kong e Tóquio estão entre as cidades que serão apresentadas por brasileiros que vivem nestes locais! E adivinhem quem está no programa de Tóquio!! Uma chance ! (risos) A resposta você confere no vídeo a baixo...




NÃO PERCAM! DIA 4 DE JANEIRO! NA BAND!